Translate

sábado, 29 de novembro de 2014

Nossa Senhora Aparecida, uma história de fé.

A história de Nossa Senhora da Conceição Aparecida tem seu início pelos meados de 1717, quando chegou a notícia de que o Conde de Assumar, D.Pedro de Almeida e Portugal , Governador da Província de São Paulo e Minas Gerais, iria passar pela Vila de Guaratinguetá, a caminho de Vila Rica, hoje cidade de Ouro Preto – MG. Convocado pela Câmara de Guaratinguetá, os pescadores Domingos Garcia, Filipe Pedroso e João Alves saíram a procura de peixes no Rio Paraíba. Desceram o rio e nada conseguiram. Depois de muitas tentativas sem sucesso, chegaram ao Porto Itaguaçu.
João Alves lançou a rede nas águas e apanhou o corpo de uma imagem de Nossa Senhora da Conceição sem a cabeça. Lançou novamente a rede e apanhou a cabeça da mesma imagem. Daí em diante os peixes chegaram em abundância para os três humildes pescadores. Durante 15 anos seguidos, a imagem ficou com a família de Felipe Pedroso, que a levou para casa, onde as pessoas da vizinhança se reuniam para rezar.
A devoção foi crescendo no meio do povo e muitas graças foram alcançadas por aqueles que rezavam diante a imagem. A família construiu um oratório, que logo tornou-se pequeno. Por volta de 1734, o Vigário de Guaratinguetá construiu uma Capela no alto do Morro dos Coqueiros, aberta à visitação pública. Em 1834 foi iniciada a construção de uma igreja maior (atual Basílica Velha).
A Imagem de Nossa Senhora da Conceição Aparecida, pescada no rio Paraíba na segunda quinzena de outubro de 1717, feita de argila, que depois de modelada, é cozida em forno apropriado, medindo 40 centímetros de altura. A cor acanelada com que, hoje, é conhecida , deve-se ao fato de ter sido exposta, durante anos, ao picumã das chamas das velas e dos candeeiros. Com o passar do tempo, a devoção a Nossa Senhora da Conceição Aparecida foi crescendo e o número de romeiros foi aumentando cada vez mais. A primeira Basílica tornou-se pequena.
Era necessário a construção de outro templo, bem maior, que pudesse acomodar tantos romeiros. Por iniciativa dos missionários Redentoristas e dos Senhores Bispos, teve início em 11 de Novembro de 1955 a construção de uma outra igreja, atual Basílica Nova, o ‘maior Santuário Mariano do mundo’. Em 1980, ainda em construção, foi consagrada pelo Papa João Paulo II e recebeu o título de Basílica Menor. Em 1984, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) declarou oficialmente a Basílica de Aparecida Santuário Nacional.
Nossa Senhora Aparecida… rogai por nós!!!








Faça sua encomenda e já vá adiantando o seu Natal, pois nada melhor que presentear com artesanato!!!  

Santa Rita de Cássia, conhecida como Santa dos Impossíveis

Nasceu na Itália, em Cássia, no ano de 1380. Seu grande desejo era consagrar-se à vida religiosa. Mas, segundo os costumes de seu tempo, ela foi entregue em matrimônio para Paulo Ferdinando.
Tiveram dois filhos, e ela buscou educá-los na fé e no amor. Porém, eles foram influenciados pelo pai, que antes de se casar se apresentava com uma boa índole, mas depois se mostrou fanfarrão, traidor, entregue aos vícios. E seus filhos o acompanharam.
Rita então, chorava, orava, intercedia e sempre dava bom exemplo a eles. E passou por um grande sofrimento ao ter o marido assassinado e ao descobrir depois que os dois filhos pensavam em vingar a morte do pai. Com um amor heroico por suas almas, ela suplicou a Deus que os levasse antes que cometessem esse grave pecado. Pouco tempo mais tarde, os dois rapazes morreram depois de preparar-se para o encontro com Deus.
Sem o marido e filhos, Santa Rita entregou-se à oração, penitência e obras de caridade e tentou ser admitida no Convento Agostiniano em Cássia, fato que foi recusado no início. No entanto, ela não desistiu e manteve-se em oração, pedindo a intercessão de seus três santos patronos – São João Batista, Santo Agostinho e São Nicolas de Tolentino – e milagrosamente foi aceita no convento. Isso aconteceu por volta de 1441.
Seu refúgio era Jesus Cristo. A santa de hoje viveu os impossíveis de sua vida se refugiando no Senhor. Rita quis ser religiosa. Já era uma esposa santa, tornou-se uma viúva santa e depois uma religiosa exemplar. Ela recebeu um estigma na testa, que a fez sofrer muito devido à humilhação que sentia, pois cheirava mal e incomodava os outros. Por isso teve que viver resguardada.
Morreu com 76 anos, após uma dura enfermidade que a fez padecer por 4 anos. Hoje ela intercede pelos impossíveis de nossa vida, pois é conhecida como a “Santa dos Impossíveis”.
Santa Rita de Cássia, rogai por nós!


Como sou fã da ideia do Compro de quem faz, compartilho o simples conceito: podemos presentear com coisas que fazemos ou que compramos de quem faz. Presentes menos industrializados, valorizando o trabalho de produtos praticamente exclusivos.
Conheça o trabalho lindo feito com mto amor e carinho!!! 
Aceitamos encomendas!!! Presenteie com estilo!!!
 — em Mogi Guaçu.

domingo, 29 de junho de 2014

segunda-feira, 5 de maio de 2014

sábado, 26 de abril de 2014

Mensagens interessantes


                      Simplesmente gosto...


Gosto de sonhar acordadaGosto do presente e de lembrar do que fui no passado

Gosto de pessoas que vivem um dia de cada vez,

Gosto de olhares suaves que traduzem qualquer sentimentos…

Gosto de palavras doces,

Gosto de gentileza,

Gosto de pessoas que amam as coisas simples da vida,

Gosto de paz,

Gosto de pessoas que cuidam da propria vida...

Gosto de pessoas  leves,


Gosto de pessoas felizes,

Gosto de pessoas amigas,

Gosto de alma limpa,

Gosto de bons fluidos,

Gosto de bons pensamentos,

Gosto de seres bons,

Gosto de pessoas humildes,

Gosto de gente boa,

Gosto de pessoas que tem muita coisa boa em seu interior para doar ao seu semelhante…

Gosto de ser solidaria,

Gosto de cores,

Gosto da natureza,

Gosto de flores e de plantas,


Gosto de ar puro,

Gosto do silencio,

Gosto de solidao,

Gosto de gestos leves,

Gosto do sol, do ceu e do frio,

Gosto de poucos,

  Gosto de mim…


 


sábado, 19 de abril de 2014

Eu que fiz!!!

Estou muito feliz em postar esse lindo " Santo Antonio" feito com muito amor e carinho para o casamento dos meus primos Gui e Grazi!!! Neste mês de abril fez um ano de casados e eu não poderia deixar de desejar felicidades e que Deus continue abençoando com muitas alegrias a vida de vcs!!!